Localizado em
Joanesburgo
A casa de Nelson Mandela acaba de ser transformada num hotel de luxo. Embora a iniciativa seja da sua fundação, que é a proprietária, não agradou a todos.

1. Um hotel íntimo

O hotel pretende ser chique e luxuoso, e o objetivo desta transformação? “Atrair líderes mundiais e pessoas que desejem inspirar-seneste ícone, oferecendo-lhes a oportunidade de se imergirem no seu ambiente mais íntimo”.
Não se trata de uma viagem turística, mas de uma experiência de imersão no coração da vida deste grande homem. Só há 9 quartos disponíveis. Por isso, não vai querer dar de caras com multidões ao pequeno-almoço!
Em termos de preço, seguimos a lógica dos hotéis de topo de gama, com um preço inicial de 250 euros, que sobe para 850 euros na suite presidencial.

2. Críticas fortes

Não é de surpreender que tal iniciativa tenha chocado o país. Especialmente porque a justificação da fundação é sóbria:“Agora, mais do que nunca, numa altura em que o mundo precisa de uma distribuição equitativa de vacinas para proteger vidas, os ideais de Nelson Mandela de igualdade e erradicação da pobreza são necessários”.
O semanário sul-africano,
The Continent
que revelou a abertura do hotel, ironizava: “Defender a igualdade e a erradicação da pobreza, sim, mas por favor façam-no num… hotel de luxo!
É verdade que é natural interrogarmo-nos se uma iniciativa deste tipo corresponde aos valores do antigo Presidente da África do Sul, falecido em 2013…

O que acha desta transformação num hotel de luxo?

Por outro lado, também temos um artigo sobre
os seus filmes e séries de televisão preferidos
que esperamos que gostes!